Polícia prende quadrilha acusada de tráfico de drogas em Barreirinhas

Foi presa hoje sexta-feira(7) por voltas do meio dia uma quadrilha suspeita de tráfico de drogas em Barreirinhas, com os presos foram encontrado uma quantidade enorme de entorpecentes além de armas de fogo.

Foram conduzidos a Delegacia Ariane Garcês Lopes de 39 anos, Aidamo Pereira Lima de 39 anos, os menores R. L. S, C. L. N e M. S. L. S de 15, 16 e 17 anos, além de Leandro Sousa Penha de  22 anos, Hércules José de 21 anos e Evaldo Santos Ribeiro de 20 anos.

A polícia aprendeu 134 Pedras de substância similar a maconha ,14 Pedras Grandes de substância similar à Maconha, 02 Simulacros de Arma de Fogo, 01 Revolver cal 38, 5 tiros numeração raspada, 01 Revover cal 38, 6 tiros n:1319594, 83 reais em Espécie , 01 Cordão de cor Dourada, 05 Munições intactas cal. 9mm, 02 Munições intactas cal.32mm, 02 Rádios de Comunicação, 01 Base de Carregador de Rádio, 03 Celulares, 05 rolos de Papel Filme, 01 Triturador de Maconha, 02 Balanças de Precisão, 01 Facão, 02 Relógio de Pulso, 09 Munições Intactas cal. 38 além de duas Munições Deflagradas cal. 38.

Após denúncia de intenso tráfico de drogas e de elementos portando arma de fogo, foi desencadeada uma operação conjunta, PM e PC, na qual foram traçados planos de ações para averiguar a situação.
Chegando no local indicado os policiais foram recebidos a tiros sendo necessário o revide à injusta agressão.

Durante o tiroteio, dois elementos foram alvejados por projéteis de armas de fogo e em seguida mais quatro foram capturados totalizando seis elementos. Durante buscas no local foram encontrados os demais materiais acima mencionados. Em seguida um dos elementos informou aos policiais que havia mais uma arma na residência de seus pais. Chegando ao local informado foi constatado a veracidade dos fatos ocasionando a condução da dona da residencia e seu companheiro.

Parte dos conduzidos foram apresentados na Delegacia Regional de Barreirinhas sem lesões corporais para providências cabíveis. E os demais dois alvejados  foram apresentados no hospital regional local para atendimento médico sob custódia policial.

Comentários

Comentários

Comente

%d blogueiros gostam disto: